Tratado da cidade de Portalegre

Tipologia: 
Livro
Localidade: 
Portalegre
Editorial: 
Imprensa Nacional-Casa da Moeda / Câmara Municipal de Portalegre
Ano: 
1984
Páginas: 
163
Sinopse do conteúdo: 

[Resumo proveniente da Biblioteca Digital do Alentejo]

O Tratado de Portalegre, aqui reproduzido é uma edição fac-similada do original de 1616, cuja introdução e notas são da responsabilidade de Leonel Cardoso Martins. Esta edição saiu a público 350 anos após a morte do autor, padre Diogo Pereira Sotto Maior, como homenagem desta cidade ao homem que lhe legou provavelmente a sua primeira história local. O padre Diogo Sotto Maior, capelão da Santa Sé de Portalegre, ao elaborar este tratado fê-lo com o objectivo de presentear o seu superior bispo de Portalegre, D. Rodrigo da Cunha, pelo Natal de 1616. Porém, a obra foi escrita em duas fases: a primeira composta até Dezembro de 1616, onde o autor procedeu à recolha de tradições e lendas, relato de factos orais ou visualizados que foi anotando num caderno; e uma segunda fase terminada em Maio de 1619 com um aditamento de casos reservados aos bispos e com elementos biográficos de D. Rodrigo da Cunha.

ÍNDICE: Nota prévia | Introdução | Epístola de Diogo Pereira Sotto Maior a D. Rodrigo da Cunha | Capítulo I. Do sitio e assento desta nobre cidade | Capítulo II. Das opiniões de se chamar Amaia | Capítulo III. Do sitio e assento mesmo nesta cidade | Capítulo IV. Das igrejas e conventos que há nesta cidade | Capítulo V. Da real e insigne igreja catedral e sé desde cidade | Capítulo VI. Da prata e ornamentos que há neste sagrado templo | Capítulo VII. Dos bispos que foram nesta cidade. Dom Julião | Capítulo VIII. Do bispo Dom André de Noronha, 2.º bispo desta cidade | Capítulo IX. De Dom Amador Arrais, 3.º bispo desta cidade | Capítulo X. De Dom Diogo Corream, 4.º bispo desta cidade | Capítulo XI. Do Senhor bispo Dom Rodrigo da Cunha | Capítulo XII. De algumas pessoas graves e calificadas que houve nesta santa sé | Capítulo XIII. Da fundação do insigne mosteiro da Virgem Nossa Senhora da Conceipção extra muros desta cidade, da ordem de Cister | Capítulo XIV. De algumas antiguidades | Capítulo XV- De algumas cousas notáveis que aconteceram nestes reinos de Portugal. Pressiguição dos cristãos novos em Lisboa | Tavoada | Bibliografía | Índice

Língua: 
Área geográfica: 
Última modificação: 
17/04/2021 - 17:57