Recorrências. Léxico e motivos sãojoaninos no cante (Mastros e santos populares)

Tipologia: 
Artigo de revista
Título da revista: 
Arquivo de Beja
Ano: 
1999
Volume: 
XI
Páginas: 
87-112
Sinopse do conteúdo: 

[Resumo proveniente da fonte]

Sobre um corpus de espécimes do cancioneiro baixo alentejano, sobretudo de cante, pesquisaram-se recorrências linguísticas -de itens lexicais e de motivos discursivos- beneficiárias de contextos situacionais, de ordem sociocultural e respeitantes ao universo de referência oferecido pelo meio envolvente. Enquadrados num contexto nacional de tiros solsticiais (de Verão / de Inverno) e comparados com as principais festas do fogo -símbolo solar-, os itens e expressões tradicionalizados testemunham a prevalência da temática sãojoanina na região, a pesar de as festas dos mastros fundirem a trilogia dos santos populares. Lateralmente, aponta-se uma reafirmação do cante, associando-lhe a recrudescência de tradições solsticiais setentrionais, mas afins, particularmente as do oriente transmontano. Constratam-se, justamente por serem distantes, ambas provocadas pelo ciclo solar -esta natalícia, aquela sãojoanina. 

ÍNDICE: 0. Introdução | 1. Corpus | 2. Contextualização situacional global | 3. Análise de cantares baixo alentejanos (Cancioneiro/Cante) | A modo de conclusão.

Língua: 
Área geográfica: 
Última modificação: 
25/04/2021 - 12:24