Dá-me acá un abango

Tipologia: 
Artigo de revista
Título da revista: 
Diário de Trás-os-Montes
Ano: 
2005
Número: 
30 de janeiro de 2005
Sinopse do conteúdo: 

[Resumo extraido da fonte]

Esta ye ua spresson mirandesa cun sentido negatibo, ousada para amostrar zanteresse an relaçon a algo. Diç-se an repuosta al anúncio, por outra pessona, de algo que se passou ou bai a passar i que, an cundiçones normales, serie ua cousa negatiba, que perjudicarie la pessona que responde. Esta, cun cierto çprézio, diç: dá-me acá un abango! Traduzido an pertués: isso não me preocupa; isso não me afecta, não me traz qualquer problema, não fico aflito se isso acontecer; quero lá saber! Muita beç, la pessona até bai a sufrir cun esso, mas faç de cunta que nó, amostrando-se argulhosa i zanteressada an relaçon a essas cunsequenças. Anton, la spresson ye ousada cumo se fura: esso nun me dá abango nanhun. Porqui se bei que la palabra abango ten un sentido mui negatibo, ten a ber cun cunsequenças, cun un resultado mui malo para ua pessona.

Língua: 
Área geográfica: 
Última modificação: 
27/04/2022 - 09:28