"Falar diferente" e conservar um geoleto vernáculo: notas sobre a importância da fonética no fortalecimento dos princípios da identidade de G. Breakwell no caso da comunidade d'a fala de Xálima (Cáceres, Espanha)

Autores

Typology: 
Paper
Journal title: 
Studia Iberystyczne
Year: 
2014
Issue: 
13
Pages: 
357-370
Synopsis: 

[Resumo proveniente da fonte]

No artigo apresentam­‑se algumas considerações preliminares face a uma proposta de explicação alternativa da vitalidade do geoleto do Val de Xálima (Cáceres, Espanha), a chamada a fala. Tendo em consideração que hoje em dia a comunidade de Xálima tem vindo a enfrentar vários fenómenos de índole sociolinguística que poderiam ter resultado na supressão das particularidades dialetais d’a fala e na convergência linguística com o castelhano, procura­‑se descrever um processo de reforço da identidade étnica local baseado na saliência percetiva dos hipotéticos “traços de não­‑pertença”, que têm vindo a resultar na conservação do geoleto. Consequentemente, propõe­‑se inscrever o factor de “falar diferente” na Teoria do Processo Identitário (Identity Process Theory) de G. Breakwell.

This paper presents some preliminary comments aiming to explain the vitality of the geolect of Val de Xálima (Cáceres province, Spain), the so‑called a fala. Having in consideration that recently the community of Xálima has faced various sociolinguistic phenomena which could have suppressed its dialectal particularities in the linguistic convergence with Castilian, the author aims to describe a process of reinforcement of the local ethnic identity due to the perceptual salience of the hypothetical "non belonging phonetic features" resulting in the preservation of the geolect. It is also proposed to integrate the factor called by the author: "to speak different" to the Identity Process Theory of G. Breakwell.

Language: 
Last modified: 
05/12/2021 - 23:31