Um estranho caso de ênclise pronominal na fala do vale do rio Elhas ou de Xalma

Tipologia: 
Artigo de revista
Título da revista: 
Limite: Revista de Estudios Portugueses y de la Lusofonía
Ano: 
2014
Número: 
8
Páginas: 
363-374
Sinopse do conteúdo: 

[Resumen extraído de la fuente original]

Desde o castelhano medieval até ao atual tiveram lugar profundas mudanças na sintaxe do pronome átono. Em galego-português (com a exceção do português do Brasil) e em asturo-leonês continua, na atualidade, aquela colocação pronominal preferentemente enclítica que também tinha o castelhano medieval, mas já com certas regularizações. Nas falas de origem galega do vale do Elhas (CáceresEstremadura-Espanha) a atual sintaxe do pronome átono apresenta uns resultados em parte coincidentes com o castelhano atual (e com o brasileiro), em parte coincidentes com o galego atual, e em parte apresenta num aspeto muito concreto umas soluções próprias: referimo-nos à ênclise dos pronomes o, a, os, as com particípio em tempos compostos e perífrases. Palavras-chave: ênclise – sintaxe pronominal – valego – galegoportuguês – vale do Elhas – Xalma.

From medieval to present-day Spanish there have been important syntactic changes in object pronouns. In Galician-Portuguese (except in Brazilian Portuguese) and in Astur-Leonese we can still find the enclitic pronominal collocation that was used in medieval Castilian, but already with certain regularisations. In the Galician dialects from the Ellas Valley (Cáceres, Extremadura, Spain) the current syntax of the atonic pronoun is partly similar to that of present-day Castilian and Brazilian, partly analogous to current Galician, but it is original in a particular aspect: namely, the enclisis of pronouns o, a, os, as with participles in compound tenses and periphrases. Keywords: enclisis – pronominal syntax – valego – GalicianPortuguese language – Ellas Valley – Xalima. 

Língua: 
Palavras-chave: 
Última modificação: 
02/08/2019 - 14:28